Freios

Substituição de Pastilhas

As pastilhas exercem pressão nos discos para gerar grande força de atrito para assim ocorrer a frenagem do veículo. A não substituição no momento correto pode causar perda de frenagem, ruídos, a danificação do disco e em alguns casos o travamento das rodas. Aconselhamos a verificação constante pelo menos a cada 10.000 KM. Aconselhamos que ao atingir 2mm seja efetuada a troca o que deve ocorrer aos 30.000 KMS.

Substitua sempre por pastilhas originais na REDE PNEU Z  e pode rodar numa boa.

Substituição de Discos

Ao acionarmos o pedal do freio ativamos a pressão hidráulica que provoca o atrito entre as pastilhas de freio e as duas faces do disco metálico.  A não substituição no momento correto pode causar perda de frenagem, ruídos, trepidações ao frear, ou até o despedaçamento do material do disco ocasionando danos ainda maiores.   Recomendamos a verificação periodicamente do estado dos discos de freio a cada 10.000 kms. Recomenda-se que sejam substituídos tanto o disco quanto a pastilha em um mesmo momento.

Troca de Cilindros

O cilindro tem a função de criar pressão no fluido vindo do reservatório e transformá-la de mecânica para pressão hidráulica, alimentando o sistema de freios. A não substituição no momento correto pode causar perda total ou parcial da ação de frenagem. Sua durabilidade pode chegar a mais de 100.000 km, caso seja feita a manutenção correta, porém recomendamos a revisão a cada 10.000 kms pois pode ocorrer a corrosão interna dos itens que integram os cilindros devido à má qualidade de fluidos ou a falta deles.

Fluídos

O fluido absorve água e umidade e transmite a pressão das pastilhas de freio nos discos após o acionamento do pedal. Também tem a função de lubrificar e evitar a corrosão de todo o sistema de frenagem, A não substituição pode causar a perda total ou parcial da ação de frenagem e danifica os encanamentos do circuito de freio. Recomendamos que seja feita a substituição a cada 10.000 kms ou 1 vez por ano, o que ocorrer primeiro.

Navegação